A prefeitura de Três Lagoas deve demitir mais de 400 funcionários comissionados até o próximo dia 15 deste mês, quando a folha de pagamento é concluída. As demissões devem acontecer para cortar gastos, já que foi registrada uma queda significativa na arrecadação do município, conforme trabalhadores da prefeitura que confirmaram já existir uma lista com os nomes dos comissionados a serem demitidos desde novembro do ano passado.

Em dezembro de 2014 a prefeita Márcia Moura havia anunciado que as demissões não eram oficiais, porém, que a prefeitura passa por readequações em vários setores e que algumas mudanças seriam realizadas. Questionada mais uma vez sobre esses desligamentos, a prefeitura informou nesta quinta-feira (12) que ainda não há nada oficial para passar para a imprensa.

Entre os servidores que devem ser desligados estão aqueles que ocupam cargos em diretorias e assessorias, alguns deles, inclusive, são parentes de vereadores ou de secretários, o que caracteriza nepotismo, conforme lei federal.

correio do estado