A FETEMS acaba de comunicar em nota, que o governo do estado confirmou o adiamento das aulas para depois do carnaval nos 73 municípios de Mato Grosso do Sul.

A Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul, comunicou que o ano letivo irá começar no dia 19 de fevereiro, primeira quinta-feira depois do carnaval.

Além disso, as férias dos professores da Rede Estadual também foram prorrogadas até o dia 11 de fevereiro (quarta-feira) e os educadores devem se apresentar nas unidades escolares a partir do dia 12 de fevereiro (quinta-feira).

Sobre o reajuste salarial, a FETEMS informou que ainda segue em negociação:

“Nossa batalha é a garantia do que está na Lei n° 4.464, de 19 de Dezembro de 2013, que prevê o reajuste de 25,42% e a uma política de implantação do piso por 20 horas, se existe a necessidade de adiar as aulas por esse período para finalizarmos as negociações, entendemos ser melhor repor alguns dias de aula, do que meses, que é o que pode acontecer se a categoria optar por uma greve”, informou a assessoria de comunicação.

Segundo os mesmo, nesse período eles pretendem avançar na proposta apresentada pelo poder público estadual de 13,01% de reajuste na folha de fevereiro, retroativo a janeiro, com a criação de um grupo de estudo, com membros do movimento sindical da educação, para se debater como será implantado os 10,98% restantes, que estão garantidos na Lei n° 4.464 e o compromisso de implantar até 2018 o piso por 20 horas, como prevê a Meta 17 do Plano Nacional de Educação (PNE).

Serão realizadas Assembleias municipais no próximo dia 10 de fevereiro (terça-feira), às 16hs e a Assembleia Geral da Federação será no dia 12 fevereiro (quinta-feira), às 9hs, que será quando a categoria irá definir se acata ou não a proposta salarial apresentada pelo Governo.

PORTALDOCONESUL