A Caravana da Saúde, programa do governo do Estado para destravar as filas de espera nos municípios de Mato Grosso do Sul, pode ser levada para outros estados brasileiros. É que Amapá, Mato Grosso e Rio Grande do Sul já demonstraram interesse em levar o programa instituído pelo governador do Estado, Reinaldo Azambuja (PSDB), para os estados vizinhos.

Neste sábado, a Caravana da Saúde está em Paranaíba. Além do governador, representantes do governo do Amapá participaram da solenidade de encerramento das atividades do programa no município.

O assessor técnico da Secretaria de Saúde do Amapá, Evandro Alves, inclusive, veio ao Estado para conhecer como funciona a Caravana e disse que pretende levar para o Amapá. “Programa que funciona bem, não há vergonha de copiar, somente do que dá errado”, disse.

Em Góias, onde o governador participou na sexta-feira (3), de encontro para debater assuntos de interesse da região, o chefe do executivo do Mato Grosso, Pedro Taques, também demonstrou interesse em levar ao estado vizinho o programa sul-mato-grossense. Ainda segundo o governo do Estado, Rio Grande do Sul também teria interesse em implantar o programa.

midiamax