Foto: Reprodução

A linha entre o que é arte e o que é somente algo realmente muito bizarro está cada vez mais tênue depois que o advento da internet chegou em milhares de lares no mundo. Um exemplo claro que nos leva a questionar o que, de fato, é considerado artístico é o de Karim Boumjimar, que retirou seus mamilos para vender na internet como peças de arte.

Karim publicou em sua conta do Twitter uma foto de seus mamilos de piercings, que agora serão usados na orelha: cada um vai virar um brinco. O próximo passo do artista de 18 anos é retirar o seu umbigo e transformá-lo em um colar.

“Eu me livrei dos meus mamilos e agora os estou vendendo. Meu colar feito com o umbigo vai ficar ponto em breve também”, escreveu o rapaz, morador de Londres (Inglaterra), em seu perfil no microblog.

O garoto diz que passou por um procedimento cirúrgico “não tão legal assim”, na Bósnia, mas há quem diga que tudo não passa de uma farsa: em março, Karim publicou uma montagem na qual aparecia com mamilos espalhados por todo o corpo.

“Acordei com cerca de 60 mamilos, hoje”, disse, provavelmente sem esperanças de que alguém realmente acreditasse. Desta forma, até seus seguidores no Twitter creem que todas as fotos sem mamilo são editada no Photoshop e que tudo não passava de uma pegadinha.

Verdade ou mentira, fato é que Karim conseguiu o que queria nas redes sociais: atenção dos usuários e da mídia. Agora, ele tenta vender o seu trabalho que considera arte. Em sua loja, estão expostos brincos feitos de cigarros, brócolis, cogumelos e até sachês de sal do McDonald’s.